quarta-feira, 26 de setembro de 2007

5%

Tá todo mundo anunciando que o Ronaldinho vai sair do Barça. Até onde eu sei o tricolor tem direito a 5% do valor negociado pela formação do atleta. Pelo menos pode ser algum que pinga, e pode garantir a permanência de bons jogadores do elenco atual.

7 comentários:

San Tell d'Euskadi disse...

5% nós tivemos quando da ida dele ao PSG. Isso se mantém?!

San Tell d'Euskadi disse...

Corrigindo: do PSG ao Barcelona.

Tito disse...

é o que estou lendo. A negociação estaria perto de 200 milhões de Reais... o que daria perto de 10 milha pro Grêmio.

edudewes disse...

Os 5% são referentes a qualquer negociação que ocorra com o atleta durante a carreira até onde eu sei. O que foi sinalizado é que o tricolor usaria essa grana para manter Saja e Diego Souza pra Libertadores do ano que vem.

TiagoR disse...

Isso mesmo, o Grêmio tem direito a 5% do valor de uma possível transação do dentuço traira. Acabei de ler no Globoesporte.

Tito disse...

mas o Barça já está colocando areia...

edudewes disse...

Bah, aí fudeu... (clicRBS)

5% disso não dá nem pra alimentar o time inteiro por um dia.




Chelsea pode contratar Ronaldinho Gaúcho por € 20 milhões
Informação está na edição desta quinta do jornal inglês The Sun

O Chelsea pode contratar o meia Ronaldinho Gaúcho por 14 milhões de libras - € 20 milhões - no fim desta temporada. A informação está na edição desta quinta-feira do jornal britânico The Sun.

O brasileiro, que tem 27 anos, poderia se beneficiar do artigo 17 do regulamento da Fifa para abandonar o Barcelona. A norma, acrescenta o Sun, estabelece que se um jogador de 28 anos tiver jogado por um clube durante cinco anos pode ser liberado se comprar o resto de seu contrato.

– Ele poderia abandonar o Barcelona? Sua vida na Espanha é um paraíso. Mas não posso garantir que nunca vá embora – disse o irmão e agente do jogador Roberto Assis, segundo o tablóide.

Entretanto, os times já teriam entrado na briga pelo craque brasileiro. Segundo o diário, o Real Madrid também estaria interessado no jogador. O jornal informa ainda que por um acordo de cavalheiros o Chelsea não vai aproveitar a norma da Fifa para contratar jogadores por valores abaixo do mercado.