segunda-feira, 7 de junho de 2010

O medo de ser feliz

Teu patrão chega pra ti e fala que tu és merecedor de um salário maior e que mês que vem teu contracheque ficará mais gordo. Tu tá numa balada, e aquela mulher (ou homem - vai saber...) que tu estás há horas dando aquela secada CHEGA em ti pra conversar e tomar alguma coisa. O cusco ali, babando, e o patrão véio assando aquela costela BEM GORDA, antes mesmo de servir seus convidados tira a parte mais nobre da costela e a entrega a seu fiel amigo.

O que, em cada uma dessas situações, é natural de acontecer? Dizer "não"? Recusar o aumento de salário? Recusar a abordagem da(o) pretendente? Recusar a costela gorda com aquele recheio de osso?

Ricardo Gomes chega para Silas e diz: "E aí, amigão, tudo em cima? Toma que hoje é todo teu". Silas, educadamente, responde: "Não. Agradeço a gentileza, mas, faço questão".

Resumidamente, foi assim que acabou o jogo entre São Paulo e Grêmio ontem.
Um Grêmio totalmente sem poder ofensivo e um meio de campo um tanto quanto faceiro. Faceiro mas que criou muitas oportunidades de gol. Tantas que abusaram do direito de desperdiçá-las. Daí, meu amigo, quem não faz, leva! A velha máxima do futebol NUNCA, JAMAIS morrerá!

Resultado injusto? Resultado enganoso? Um time não faz gol quando tem a oportunidade (ou várias oportunidades) e aí os jogadores vem falar em resultado enganoso? Ah, não, fío. Aí não dá pra querer.

Pode-se dizer que o Grêmio teve o pior dos medos. O medo de ser feliz. Nunca tivemos um jogo tão dado pelo São Paulo em pleno Morumbiba. Com um público ridículo para um domingão ensolarado. Vai ver foi por causa da parada gay que o pessoal matou o jogo. Vai saber, não é mesmo?

6 comentários:

lui disse...

nao culpe o tecnico se os bunitao nao acertam no arco!

Menezes disse...

Lui, não culpei o Silas em momento algum. Assim como não atribui a vitória do São Paulo graças ao Ricardo Gomes. Coloquei os dois ali dialogando pra fazer um teatrinho, somente.

Dhiogo disse...

Uma informação sobre o Mithyuê (sei la como escreve), sou de Chapecó, cidade onde ele nasceu, ele está por aqui de férias e deu entrevista p/ um jornal local dizendo q não tem sido relacionado nos jogos devido a medicação que ele está tomando que pega no anti-dopping...

Gustavo disse...

Nao culpar o tecnico??? Um cara que poe a camisa do Gremio no William eh OBVIO que eh culpado.

Menezes disse...

Gustavo, aí é culpa da diretoria. Só deram isso pra ele, é o que tem... Por isso que precisamos de mais um atacante pra posição e dispensar o Batoré.

heleno disse...

Menezes,
concordo que "só deram isso pra ele", mas não foi ele quem indicou o dito cujo ?
no mais, acho q passa por ele Silas a escalação do meio facero demais... lembro do Hot nessas horas que era retranqueiro demais... será que ninguem tem equilibrio como diria o amigo Tite?