quinta-feira, 27 de maio de 2010

O melhor da noite de quarta


Ela veio pelo portão 13, adentrou ao Olímpico com a naturalidade de quem estivesse passeando pelo Iguatemi. Linda, vestia um agasalho do tricolor, preto com detalhes em azul e branco, podia-se perceber a camiseta que tinha por baixo. Cabelo loiro impecável, brincos dourados e unhas bem feitas mostravam toda a sua vaidade feminina.

Ela subiu as arquibancadas e escolheu o local de onde assistiria a partida sozinha, sim ela estava sozinha no Olímpico, numa noite de quarta-feira.

Local escolhido, fones nos ouvidos e olhos fixos no gramado - Gramado que a essa altura estava as minhas costas e ali ficou por um bom tempo – assim ela acompanhou atentamente cada lance do jogo.

Não preciso dizer que pouco acompanhei da partida, não só pela beleza da torcedora solitária, mas por toda situação apresentada. Estava ali expressa a paixão pelo Imortal Tricolor, paixão que se antes não distinguia classe social ou faixa etária, agora também não distingue sexo. Pensei em quantas vezes ao falar que tinha ido ao Olímpico num jogo de menor importância ouvi a frase: - Bem coisa de homem.

Pensei também no que devem ter dito, ou pensado, as suas amigas quando ela recusou um convite para um cinema ou happy hour na Padre Chagas pra ir sozinha no Olímpico assistir Grêmio e Avaí, pela quarta rodada do Brasileirão. Com certeza devem ter invejado tamanha autoconfiança e desprendimento ao passo que imaginavam um jeito de mantê-la afastada dos seus respectivos namorados.

Tenho que destacar ainda, que ela foi ao Olímpico única e exclusivamente para ver o jogo e ninguém que estava a sua volta, em momento algum, teve qualquer tipo de atitude que a fizesse se arrepender da escolha que fez. Sinal de que a civilidade e o respeito estão presentes na torcida tricolor.

9 comentários:

Marcos JR disse...

- PARABÉNS Darling! É o que eu diria a essa Gata...
Eu quero alguém assim pra mim e com todos esses predicados... Seria muita Parceria! E sem dúvidas, estaria ao lado dela no Monumental. Da-le GRÊMIO!
http://twitter.com/LaMarcos_

Juliana de Brito disse...

Gurias dominando o Monumental.
Bom texto.

Menezes disse...

Só espero que o GremioLibertador não vire um site de relacionamento :P

Fiorella disse...

Parabéns pelo post. Reconhecimento merecido!
Mas....não querendo jogar um balde de água fria na sua alegria, preciso mostrar o lado negro da força. Ela pode ter ido sozinha porque tem um namorado amargo...
(desculpa, mas falo com o conhecimento de causa de quem passou 5 anos marcando presença nas arquibancadas do Momumental (por vezes sozinha...deixando o amargo secador em casa).
E sim, temos a torcida mais bela, tanto que do lado de lá costumam recrutar as candidatas de cá pra transformar em musas...
Abraços!!

Sandro Scotta disse...

Ceeeerto Menezes, é que me baixou o David Coimbra na quarta.

Sandro Scotta disse...

Bah Fiorella, deixa eu sonhar que ela estava em busca de uma companhia para nunca mais ir sozinha ao Olímpico, rsrsrs.
Abs!

charles disse...

Sandro. Estive contigo acompanhando a bela. Realmente bela e de comportamento irrepreensível. Belo post.

TiagoR disse...

Me caiu os butiá do bolso.

Simone M. disse...

Moro em SP há 2 anos, mas sempre ia nos jogos do tricolor qdo ainda morava por aí...
Namorava um colorado..que odiava isso, mas não tinha nem a opção de se opor, porque cada macaco no seu galho né? hehe
Ia com uma amiga que dps foi embora, e passei a ir sozinha também. E olha, acho q nunca me estressei. Ia na arquibancada a direita da alma castelhana, pra poder cantar e pular junto SEM perigo de ser pisoteada na avalanche hehe...
só pq eu fico meio moscona e nervosa a não ia me antenar d correr pra cima e pra baixo jamais.
Sempre foi mto legal. E sempre tinha mulher onde eu ficava, poucas sozinhas, mas muitas acompanhadas de amigas mesmo, sem guris.