quinta-feira, 26 de agosto de 2010

O lado bom

Ontem nós perdemos mais uma. E eu vi gente perdendo a cabeça. Ainda mais levando em consideração que já perdemos 3 jogos no Casarão pelo Brasileiro - sem esquecer a eliminação precoce na Sulamiranda.

Claro que não é fácil ver o Jonas perder tanta chance de gol e cair toda hora, o Souza falando mais que jogando e o menino Fernando entrando nervoso e errando muitos passes.

Mas eu concordo com o Renato: o time melhorou. O problema é que o Santos tem individualidades melhores que as nossas.

O Vilson estreiou muito bem. O Rocambole também. O Borges mostrou que é melhor no ataque, com ou sem o Jonas, fazendo pivô pra quem chega de trás ou marcando presença na área - e gol. Ainda temos dois laterais pra estreiar, zagueiros pra voltar do estaleiro... Enfim, ainda tem muita coisa pra acontecer.

Eu sei que é dificil a nossa situação, precisamos de 30 pontos pra escapar da degola e temos apenas 11 jogos no Olímpico, mas eu acredito que dá pra sair da ponta de baixo até com uma certa tranquilidade.

Tirando um que outro time, ninguém tá tão bem assim. Todos estão passando por altos e baixos.

A m... é que estamos em agosto, e o discurso é o mesmo de time em começo de ano: entrosamento, preparo físico, contratações, tempo pra treinar, blablabla...

A diretoria errou, e errou feio. Mas não posso dizer que errou desde o início - ou alguém aqui reclamou quando Borges, Hugo, Leandro e Douglas foram contratados?

Antes tarde do que nunca, acho que agora tá acertando com a vinda de um técnico mais boleiro e de jogadores com menor repercussão e, consequentemente, mais vontade de mostrar serviço.

Repito: melhorou. Não o suficiente pra mudar o meu voto pro Conselho, mas enfim, tá acertando alguma coisa em um ano um tanto quanto desastroso.

E tenho certeza que, em 3 ou 4 jogos, a situação do Grêmio na tabela vai ser bem diferente.

4 comentários:

Omar Martins disse...

Concordo em gênero, número e grau. Com esse time o que nos resta é escapar da degola. No ano que vem com novo presidente (fora playboy!), novo preparador e uma outra formação começaremos a nos erguer...

Fabioc disse...

Essa foi uma das análises mais sensatas que li.
O problema é a aflição que cada derrota traz. ESTOU CANSADO DE ESPERAR!

No p´roximo jogo pegamos um emabalado Atlético - PR fora de casa, onde desaprendemos a jogar há mais de um ano. A probabilidade de derrota é grande.

Mas também posso pegar esse Atlético PR que duas rodadas atrás estava atrás de nós e hoje tem 20 pontos, não muito longe do G4. O campeonato está embolado, ainda é cedo pra definir que seremos rebaixado. Há times muito piores, o Ceará estará na zona de baixo logo, logo.

O meu maior medo é a preparação física... Está terrível!

Minha esperança são os novos laterais, acho que a falta de dois bons laterais e a existência de duas amebas prejudicam MUITO a evolução do time.

Lucas Cabeda Antunes disse...

Só acredito vendo!

cristiano disse...

tche, cara!

o grêmio pode até conseguir uma vaga na libertadores...(não vai)

MAS NÃO ME VOTA MAIS NESSA GENTE, SÓ PORQUE O MUMIA KOFF ESTARÁ APOIANDO...(só uma opinião, o voto é livre, claro)

abraço