terça-feira, 23 de novembro de 2010

Ironias do Destino

Domingo passado tivemos uma ajudinha do nosso co-irmão. Certo? Errado. Os jogadores que entraram em campo queriam mostrar serviço para irem a Abu Dhabi. Principalmente o goleirinho deles. O time do aterro tem 4 goleiros e o melhor deles é o quarto. Coisa PÍFFIA.

Só não me venham com esse papinho que aquela camisa nunca entrou em campo para entregar jogo porque isso é BALELA. O ano de 2008 faz pouco que passou e altruismo não existe no futebol.

Pois bem. Mesmo não havendo esse altruismo, a vitória foi benéfica para nós. É claro. Mas isso poderia ter vindo de qualquer outro time.

O problema maior está por vir. Certamente ficaremos em quarto lugar no Dilmão'10. Certamente venceremos o Índio e o Fogão. Só que este problema maior está fora do certame moleque-malemolente. O furo virá do Rafael Correazão'10 (ou Kirchiner Eterno'10).

Será muito ruim saber que ele, O CARA que nos fez ser temido por toda a América, poderá nos tirar da Libertadores'11. Teremos de secá-lo até o último segundo. Viraremos cidadãos argentinos ou equatorianos por 180min.

Seja o que os deuses futebolísticos quiserem. Mas que estamos merecendo, mais do que nunca, essa mão, aaah estamos!

2 comentários:

heraldo disse...

à nostalgia,que preenches minhas tardes, à nostalgia que me alegra o riso dos inocentes, `nostalgia, em poder gritar, daqui a 15 dias, aauu, felipão é nosso.

..... disse...

O melhor seria o Goiás empacotar o Palmeiras. Já fez isso com o Penarol. Vou torcer para que repita.

Se não ganhar, pelo menos quebre o Marcos Assunção.

Saludos,
Fagner