segunda-feira, 22 de novembro de 2010

Não fosse a maldita herança

É minha gente! Eis que finalmente nos apresentamos! Estamos quase cumprindo o OBEJTIVO que acalentávamos durante boa parte do campeonato. Apesar dos pesares, e da quase castração dos nossas forças. Obra de um certo Pastor da universal.

Agora, o Grêmio está no G4, se roçando na Senhora Libertadores tal qual um ADOLESCENTE cheio de hormônios, louco pra meter pra dentro. Já colocamos uns dedos, sentimos o CALORZINHO e a umidade, tão caracaterísticas dessa parte da anatomia humana! Apesar dela ser uma CINQUENTONA, ela ainda arrebata os nossos corações! E mesmo ela já tendo se DEITADO com tantos, de todas as estirpes, do mais aristocrático até aquele quase mendigo, nós gostamos muito dela. Aliás, somos obcecados por ela. Doentia paixão, por assim dizer.

E essa chegada foi muito difícil. Percorremos um caminho cheio de dúvidas e duríssimo. No começo, não acreditávamos. Afinal, ainda éramos conduzidos por um PASTOR cego em sua fé, sendo que todos sabemos que só se conquista a glória quando fazemos um pacto com tinhoso e oferecemos sacrifícios a BAPHOMET. É preciso ser sujo, malvado e impiedoso,e  muitas vezes cruel. E nenhuma dessas características é latente no servo do senhor, no dadivoso e pestilento temente. Mas veja bem, não estou aqui pregando missa negra. Mas no futebol, o bonzinho sempre se dá mal.

O Grêmio do primeiro semestre era uma arremedo de equipe. Sem organização, sem pensamento. Um amontoado de bons jogadores (está provado que são, inclusive uns que TOQUEI-LHE PAU) que corriam feito potros selvagens na pampa batida pelo MINUANO. Foi preciso que um filho dessa terra voltasse, com ares de messias da putaria, e colocasse ordem nessa suruba. Seu nome, desde as auroras dos tempos, é louvado como um santo, o SANTO PORTALUPPI. Canonizado em vida, e louvado todos os dias, como numa seita satânica. Pra ele, entregamos garotas virgens da cidade de JAQUIRANA, na flor de seus 18 anos, em troca das vitórias. Vale a pena. Vai por mim!

E concluindo esse devaneio erótico-herege-pagão-666, lhes afirmo: Não fossem os primeiros passos rumo a LUZ, que o PASTOR-FALCATRUA insistia em nos conduzir, e se o SANTO tivesse vindo nos salvar antes, hoje estaríamos devidamente já classificados pra ORGIA CONTINENTAL e bem como estaríamos lutando pelo título. Fato. E não tenho dúvidas, mas nenhuma mesmo, que teríamos levantado a LA'09 se tivéssemos apostando n'ELE ao invés do "científico"
e enrolador do futebol, Paulo Autuori.

Agora é secar o Felipão. Tenho fé no SANTO e no cavaleiro das trevas. Vamo que vamo!

5 comentários:

Ivan disse...

Oiga-le porquera, verdadeiras palavras de calavera...
COPAREMOOOOSSS

heraldo disse...

felipão, vai classificar de novo o GREMIO para a Lacopa.

..... disse...

E eu que, não acreditava, hoje estou curado, porque encontrei PORTALUPPI. Ah, se eu tivesse tido fé...

Saludos,
Fagner

..... disse...

Porém, pelo que penso, logo logo os setores tradicionais do tricolor funcionarão como o que está ocorrendo no Curíntia: http://grem.io/2E4.

Mas, com libertadores ou sem, acho que o tricolor tinha que ir de juniores no cafezinho e jogar o torneio do primeiro semestre, seja qual for, com força total.

Saludos,
Fagner

Carolina disse...

Excelente, Snel! hahaha

Concordo sobre a LA'09 e o título com o SANTO!

Concordo sobre sua vinda antecipada nos garantir o título. Sim, o título!

E concordo com o Fagner: reservas no regional e força total na Copa que nos espera. Oxalá, a Libertadores, que o Felipão há de nos garantir!