quinta-feira, 18 de agosto de 2011

Bipolaridade e Cudum

Vi só os melhores momentos do jogo do Grêmio ontem, por motivos profissionais. Não porque tenha ficado louco de faceiro para ver os gols que tomamos e rir da cara do Odone e do Pelaipe (porque eu estaria caçoando de mim mesmo, como torcedor do Grêmio). Mas porque a repercussão da noite desastrosa do Victor foi monstruosa. E eu não vi esse caos que dizem aí. O Victor saiu muito mal no segundo lance e devia ter chutado a bola para a lateral (mais uma vez) no terceiro gol. Então tá, vamos imaginar que ele não estivesse no jogo ontem. Ia ser um a zero. Ah, íamos perder com mais honra? E isso dá o que, título moral? Esse tipo não me serve.

O Victor falhou em dois gols e evitou outros dez. Mas o mundo caiu, todos os jornais estão pintando ele de vilão da história. Ah, ele tá fazendo merda com a bola nos pés? Pois até a chegada do Kisuco, que estava acostumado a recuar todas para o Rogério Ceni, ninguém recuava para o Victor. Por que insistem nisso agora? Treino de posição resolve esse problema. Para mim, essa cobrança tem nome e está intrinsicamente ligada com as novas teorias da administração. É a velha política milenar japonesa chamada Cudum. Quando alguma coisa dá errada, procura o Cudum pra botar. A derrota passou por tanta coisa ontem que botar tudo na conta do Victor chega a ser vergonhoso. Ah, mas tu nem viu o jogo, dirão uns. Olha, se o time adversário chutou dez bolas na goleira, a culpa não foi do Victor. O time todo ficou como eu: não viu o jogo.

E aí vem a outra parte ruim do grande período sem títulos que vivemos: o Gremista desenvolveu a bipolaridade. Ontem perdemos e ninguém presta, tem onze titulares na lista de dispensa. Se vencemos domingo, ainda dá tempo para o título e, com uma ou duas peças, vamos lutar pelo mundial. Nem céu, nem inferno. Perdemos, pronto, chega. Não dá para dizer mais do que isso depois de três jogos com o velho treinador novo. Ele ainda está experimentando para ver com quem pode ou não contar. São três semanas de treino! Não adianta choramingar, procurar culpados, se descabelar. Só resta torcer. Acho que tá na hora de rir um pouco de nós mesmos para descontrair.

Chega de querer sangue. Foco no objetivo. Temos que fazer 47 pontos. O resto é lucro. Agora, se isso se repetir em 2012, pegamos em armas e damos um golpe de estado.

15 comentários:

Menezes disse...

Depois de muito tempo, concordei com TUDO que falaste.

Fagner disse...

É por isso que tá chovendo, Menezes!

Saludos,
Fagner

Guilherme disse...

Muito bom texto, porem acho que se alguem não ta jogando bem, pode dar lugar a um companheiro que esta melhor.

Taurus Motorsport Team disse...

A falta de indgnação que se abate sobre a torcida tricolor demonstra o péssimo estado do futebol do clube. Há 10 anos vivemos no limbo... No máximo um "quase". Achar culpados é ridículo, pois todos sabemos quem são. Mas é inadmissível botar obras e afins a frente do futebol e usar um clube como trampolim político. Hoje me sinto anestesiado para o futebol... A torcida gremista está perdendo o "tesão" de torcer.

Taurus Motorsport Team disse...

A falta de indignação que se abate sobre a torcida tricolor demonstra o péssimo estado do futebol do clube. Há 10 anos vivemos no limbo... No máximo um "quase". Achar culpados é ridículo, pois todos sabemos quem são. Mas é inadmissível botar obras e afins a frente do futebol e usar um clube como trampolim político. Hoje me sinto anestesiado para o futebol... A torcida gremista está perdendo o "tesão" de torcer.

Diego disse...

Tche, ontem o Grêmio tava mais perdido q virgem num putero. o Ceara atacava pelos lados, pelo meio, fez a festa na zaga, o meio inexistia, mas não vou culpar todos e dizer q ninguem presta,mas, simplesmente ontem, o time tomou um banho de bola e nao viu a cor da redonda. não sei se é falta de fundamento ou se o rocka faz toda essa diferença, mas ta foda... o pior de tudo é que a bola não chega pro arremate, e principalmente, não tivemos ninguem pra arrematar. esse brandão e o clementino (coitados) são uma mistura de Tuta e marcel, no ataque Tricolor.

Jonas disse...

Não param de ficar criando falhas pro Victor na imprensa.

Esquecem do jogo com o Atlético e com o Palmeiras, onde ele foi excelente. De repente, todo o gol que ele sofre é falha clamorosa.

Pra mim, ele só pode ser pessoalmente responsabilizado por um dos lances de ontem, e ainda sim, junto com o Rafael Marques, na bobeada do segundo gol.

Os zagueiros recuam mal. A bola vem na direção do gol, fraca, no pé errado do Victor. Por que o zagueiro não isola? Estão boicotando o goleiro?

Fagner disse...

Diego, é bem por aí. Mas por que a torcida não pensa mais em "foi só um jogo ruim"? Sempre tem que ter mil e um motivos, razões e culpados. O time do Felipão perdia jogos também, jogava mal e ninguém ficava pegando no pé. Faltam resultados para esse time, isso é certo, mas ontem não pode ser parâmetro para todo um trabalho. Ainda mais quando nem tem trabalho ainda.

"Taurus", a coisa é por aí. Para a imprensa, sempre é um erro do Victor ou do Rafa Marques, do Douglas. O erro é mais encima.

Saludos,
Fagner

Davi disse...

Concordo plenamente!!
Temos que dar um tempo pro treinador, treinar.Sobre isso tava lendo uma noticia que ele vai fazer algumas alterações(são 8) do time de ontem para o próximo jogo, e teve algumas que não me agradaram, a saída do victor, e a entrada do Clementino no lugar do Leandro.
O que aconteceu com o Miralles?!
Será que o Roth não gosta de Argentino tbm ?!
O que vocês acham?

abraçoO

Duda Tajes (Eduardo Tajes na Carteira de Identidade) disse...

Tá foda o nosso Grêmio, irmãos. Ontem, admito que cheguei a me deseperar. Por sorte, imediatamente após o terceiro gol do Ceará, o William Bonner disse boa noite e a novela começou. Me livrei de uns 15 minutos de sofrimento intenso e real graças a isso.

André disse...

Pela péssima atuação de ontem, não há como apontar só um culpado.

Comportamento bipolar é padrão de qualquer torcida. Não há esforço que possa reverter.

O Grêmio tem um BOM elenco. Não é pior do que o de 2/3 dos times desse campeonato então da pra ir mais além sim.

Arthur disse...

Douglas errando passe de 1 metro, sem exageros, perdendo gol na pequena área, não mostrando vontade.

Ele não foi o culpado, porque quem nos fudeu, como já aconteceu 20 vezes, foi nosso mexicano, Rafa Marques, que não tem o tempo da bola para cabecear... Esse não merece estar no elenco gremista, não sei se chego a ter pena ou raiva dele.

Victor falhou feio, mas o desastre já estava feito.

Jairo Antonio disse...

É louvável o teu esforço por uma "corrente pra frente" em favor de um clima que possa nos ajudar a não cair pra segundona. Mas sinceramente não acredito que qualquer coisa que a gente fizer vá significar alguma diferença, nem pra melhorar, nem pra piorar (até porque 3 X 0 pro Ceará não tem como piorar muito). Agora, porque esta necessidade toda de proteger o Victor? O cara é goleiro de seleção, ganha uma fortuna e eu, pobre zé ninguém que tudo o que ganho com o Grêmio nos últimos 10 anos é raiva e despesa tenho que me preocupar como o "estado emocional" do rapaz? Tá mal, dá o lugar, pelo bem do Grêmio! Esta deveria ser a REGRA e não um crime, que parece ser a ideia de parte da torcida apaixonada pelo Victor ou quem quer que seja. Isto não tem fundamento, neste momento interessa que jogue quem estiver melhor, mais seguro, em condições de ajudar mais na busca dos pontos que precisamos, SIMPLES. Por este teu raciocínio, temos que morrar abraçados ao Victor, somente pelo orgulho. Que isso?! Quando vc diz "chega de querer sangue (...) precisamos os 47 pontos... Agora, se isso se repetir em 2012, pegamos em armas e damos um golpe de estado". Pô, e porque não demos o golpe de estado nas outras duas vezes que caímos e tantos outros fiascos??? Exatamente porque deixamos por ano seguinte, e pro fiasco seguinte, e pra segundona seguinte... Nuca daremos o golpe, sempra haverá quem apague o incêndio. Paciência pra mais 10 anos...

Eduardo disse...

Só pra constar, o Victor ao mesmo tempo que foi esculhambado pela imprensa, sem eles perceberem foi a muralha da rodada, com 7 (sete) defesas difíceis, não estou defendendo o cara, mas sou goleiro, e se tem algo que goleiro precisa é de 100% de confiança, se for 90% ele espalma pra frente, chuta pro lado, não sai da trave em cruzamento e por aí vai... Se ele bater banco vamos perder um goleiraço.
Dois jogos sem tomar gol e teremos o nosso Victor de volta. Eis o problema.

O que não podemos é no final do ano desmanchar este plantel (que é bom), o negócio é contratar dois zagueiros e um atacante pro próximo ano... E não cair.

Fagner disse...

O Jairo Antônio, desculpa aí, mas interpretação de texto é uma coisa importante na vida da gente. Não estou fazendo apologia ao Victor. Estou mandando os que procuram cudum tomarem no seu respectivo. Ficam berrando que fulano não presta, cicrano idem, rindo quando o Benfica chama a mãe dele para dar entrevista. Tem gente que se diz torcedor e adora esculhambar. É disso que eu estou falando. Ninguém aceita que se jogue mal um jogo que fica arrotando por aí que nunca jogou nada. E quando ganha, ah, eu sempre disse que era o cara. É difícil.

Quanto a fase, se o Victor tivesse realmente em uma ruim, tínhamos tomado 12. Mas preferem tirar ele para cristo. É a repetição do Jonas que está se preparando e ninguém se importa com isso. A torcida virou uma máquina de triturar bons jogadores alimentada de sangue e imprensa.

Saludos,
Fagner