quinta-feira, 18 de março de 2010

Depois do campo minado

Sim, o time ainda precisa melhorar. Eu sei disso, não é preciso dizer novamente.

Mas peraí, acho que é preciso olhar em volta, enxergar a realidade que vivemos. Vamos à análise de mais uma rodada da Copa do Brasil.

SÓ UM TIME ELIMINOU A NECESSIDADE DO JOGO DE VOLTA. O Fluminense bateu o Uberaba por 2 a 0 e já aguarda o adversário nas quartas-de-final. Se serve de consolo, eles ganharam a vaga mas perderam Fred, com estiramento na coxa. Desfalque para um mês, no mínimo. Também vale a pena lembrar que, na fase anterior, o Flu suou para bater o Confiança (com direito a empate em Sergipe e vitória apertada no Rio).

E OS DEMAIS TIMES DA PRIMEIRA DIVISÃO? O Vasco (aquele do Rodrigo Caetano) empatou com o ASA, em Arapiraca. É.
O Atlético Mineiro fez pior: perdeu para a Chapecoense que, mesmo sendo LANTERNA DO CAMPEONATO CATARINENSE, cantou de galo no Índio Condá.
O Botafogo fez 1 a 0 no Santa Cruz, mas seu goleiro brincou de Victor e defendeu demais, até um pênalti. Um empate em Recife teria sido mais justo.
O Palmeiras, depois de dar um merecido castigo nas Foquinhas da Vila, fez um jogo parelho contra o Paysandu e, mesmo vencendo, não eliminou o jogo de volta. Ou seja, Sandro Goiano vai levantar leiva do Parque Antarctica mais uma vez.
O Atlético Paranaense (sim, eles ainda estão na Série A) foi ao Maranhão e se contentou com um empate com o Sampaio Correa.
Vitória, Goiás, Atlético Goianiense, Ceará, Guarani, Avaí... preciso falar deles?

E O SANTOS? E O SANTOS? AQUELE FUTEBOL MOLEQUE, MÁGICO, FACEIRO? Bom, esses só jogam na quinta, contra o Remo. Quer saber? Acho que vão fazer como o Flu e eliminar o segundo jogo. Mas, se esquecermos o show de malabarismos e dancinhas Jonas-style, qual a diferença entre fazer 1 a 0 no Naviraiense ou no Votoraty?

Sim, precisamos melhorar. E vamos melhorar (aliás, já melhoramos, né? Paramos de levar gol em todos os jogos, por exemplo). Mas a hora é de apoio e união. O maior vencedor da Copa do Brasil vai recuperar o que é seu. Acreditem: vamos buscar o penta.

9 comentários:

..... disse...

É bem por aí. Tempo ao tempo. E vamos aumentar a quantidade de vitórias consecutivas no dia 01/04 e, como diz um comentarista adivinho que tem por aí, vamos ser campeões sem convencer ninguém.

Saludos,
Fagner

..... disse...

Ah, só mais uma para ajudar na argumentação: o Guarani levou 1x0 do Votoraty no último jogo, no mesmo potreiro onde o tricolor jogou. Por incrível que pareça, o bugre é da primeira divisão nacional e da segunda divisão do paulista.

Saludos,
Fagner

Menezes disse...

Se eu falar o que eu realmente acho do atual momento do Grêmio e principalmente do trabalho do Silas, vão me chamar de corneteiro. É melhor eu ficar quieto :(

Adriano Snel disse...

Campinho Sarajevo Style. Mas isso não pode nortear as justificativas por um resultado que eu considerei ruim.

O Grêmio tem o dever de eliminar esses times FULEIROS no primeiro jogo, sempre.

Mas enfim...

Pioneiros disse...

Aos pessimistas!

Futebol não é assim que o time ganha quando quer, goleia quando quer, mesmo contra times menores,esses que treinam diariamente em seus campos!FUTEBOL DEMANDA TEMPO,isso é histórico!

..... disse...

Concordo, Snel, a teoria pede que ganhemos dessas babas. Mas se tu olhar os melhores momentos do jogo novamente tu vai ver que tem um chute do Maylson que, quando a bola pica, é desviada para a direita do goleiro, passando perto do gol. Se fosse em um campo de terra (e não de buracos) a bola entrava no cantinho, sem nem bater na trave.

Saludos,
Fagner

Daniel Isaia disse...

Na boa: não quero que meu Grêmio seja simplesmente melhor que os outros times. Quer dizer que se os outros estão muito mal, basta que estejamos apenas mal para ficarmos satisfeitos? Comigo, não!

Quero que meu Grêmio apresente futebol consistente, não interessa se os outros times do Brasil tão uma nhaca! E o que estou vendo é um futebolzinho bem fraco, sem organização e que pode acabar pondo tudo a perder mais pra frente.

Abraço!
http://gremiomanager.blogspot.com/

..... disse...

É isso aí, Daniel. Vamos ver o Grêmio jogar como o Santos. É o que a imprensa quer, né?

Eu quero que o Grêmio jogue como o Grêmio: seja o pior campeão brasileiro, da copa do brasil, da sulamericana e do gauchão de todos os tempos em uma mesma temporada. Meio a zero sempre foi goleada.

O mestre Felipão que ensinou: regulamento embaixo do braço e caneco no armário. Até hoje tão chamando Danrlei, Arce, Rivarola, Adilson, Roger, Dinho, Goiano, Arílson, Miguel, Paulo Nunes e Jardel de perebas. Sempre a mesma bola na linha de fundo, a mesma cabeçada, e os mesmos troféus. São as perebas que mais faixas colocaram no peito em todos os tempos. Esse é o Grêmio. "Futebol convincente" (porque para ser "convincente" tem que encantar a imprensa vermelha) nunca combinou com azul preto e branco.

Saludos,
Fagner

Miguel disse...

O que me convence é bola na rede e taça no armário, objetividade, pragmatismo e simplicidade.
Afinal, a seleção brasiliense de 94 é melhor que a de 82, não acham? Jogou pro gasto e foi campeã, enquanto que a outra era festejada e o resto vocês já sabem...