segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

O dia que a Social afundou o time

Não foi na sexta-feira, quando deixou de fazer o que devia pra vaiar um dos principais jogadores e patrimônios do Grêmio.

Faz tempo que eu tenho vergonha de ir na Social do Olímpico. E não é de hoje que eu defendo que, DURANTE OS 90 MINUTOS DE JOGO, a função de um verdadeiro torcedor, que realmente ama o clube, é APOIAR O TIME 100%. (Quer criticar, e com todo o direito, espera o APITO FINAL DO JUIZ).

Esse papo de que é a SOCIAL QUE PAGA O SALÁRIO DO JOGADOR é argumento de TORCEDOR MERCENÁRIO. E o discurso do A.V.Martins é ridículo e politiqueiro, típico de quem não tem tarimba pra gerir o dia-a-dia explosivo e até egocêntrico de um vestiário de futebol profissional.

Sinceramente, tenho vontade de parar de pagar a mensalidade. E não é por causa do time, mas desses torcedores da social medíocres com quem eu em nada me identifico.

12 comentários:

Josué Antonio disse...

Envergonha mesmo. Os mais velhos nem são os que mais me incomodam. É a área deles ali. Os filhos e netos que me dão asco. São um bando de otários que se borram de medo ou são frescos como guriazinhas para ir nas arquibancadas, mesmo podendo entrar em cada setor do estádio. Chegam na social, acomodam suas bundas ali e, entre um cachorro-quente e outro, cospem vaias, cornetas e palavras de quem nada entende do que é alentar, muito menos do que é futebol.

aldair 1903 disse...

Com a saída do Jonas, O Grêmio irá ficar "fraco" para a Libertadores. É uma pena. A Nossa torcida tem que ter mais paciência com o time.

FUTEBOL 2011 disse...

Pessoal, encomendem faixas, vamos levar no próximo jogo! é a única forma de sermos ouvidos!

Farei a minha: "entra ano, passa ano e o gremio é comandado por incompetentes!"



Espero q ocorra união, ao menos da torcida!

abraços, to indignado!

Conrado

R!CARDO disse...

Acho uma hipocrisia ridícula quem acha que jogador de futebol não tem que se manifestar, não pode responder vaia, não pode fazer gestos obscenos, não pode tirar camisa, não pode mostrar camisa com algo escrito.

A gente que é torcedor pode tudo e os caras não podem nada? Cadê a graça de fazer um gol e mandar a torcida adversária que te xingava calar a boca?

Sinceramente, não foi por causa do último jogo que Jonas decidiu sair. Mas por toda a rejeição de parte da torcida, pelas demoras nas negociações (que sempre acontecem) e pelo pouco caso de dirigentes que sempre deixam pra depois quando deveriam valorizar o que se tem, no momento em que o atleta mostra do que é capaz.

600 mil por mês? Tenho certeza que ele não foi embora só por dinheiro.
É uma pena.

Cara Palida disse...

Jonas é infantil!
Esse era outro que achava ser maior que o Grêmio.
NO GRÊMIO TEM QUE JOGAR QUEM GOSTA DO GRÊMIO!
Mas concordo que NÃO dá pra assistir jogos na social. Eu como sócio, nunca vou lá. Estou sempre nas cadeiras em frente afinal, não quero sair chateado do jogo com as atitudes da social.
Acho que ainda dá pra fazer um grande ataque com André Lima e Borges!
Óbvio que espero uma grande contratação para o meio/ataque ...

Abr.,
Paulo

Genaro Subierai disse...

É ISSO AI FAÇA COMO A GERAL APOIE ESSE MERCENARIOS, PORQUE DEPOIS ELES VIRAM AS COSTAS E VÃO EMBORA. ALGUMA DÚVIDAS DAS VAIAS PARA O SR JONAS???

Josué Antonio disse...

A misconcepção é que a Geral, a Popular ou qualquer outra torcida que canta e tenta abafar as vaias, não está apoiando o jogador.
Estamos apoiando o clube, a equipe, a instituição, o grupo, a camiseta.

Cristiano disse...

FIGO: fui na social contra o lajeadense, nunca mais, o pessoal lá vaia qualquer erro, além de não prestarem atenção no jogo, vou voltar pra geral, a verdadeira torcida imortal...

Cris Antunes disse...

A relação do Jonas com a "torcida" sempre foi conturbada. E, como foi divulgado hoje, já haviam torcedores sabendo da saída do jogador na sexta-feira. Se é fato, ou não, não se sabe.
De qualquer forma, tava fácil prever esse final pra esta relação.

Leo Mahler disse...

Ridículo este post! Todo estádio vaiou o Jonas depois do que ele fez! Vocês estão caindo como "patinhos" na historinha dele! Óbvio que ele já sabia que ia embora! Fez todo aquele fiasco (sem justificativa pois ninguém estava vaiando ele antes do gol, apesar dele estar só fazendo firula em campo) só para ter justificativa! Caiam na real!!!

Dig disse...

Só tenho uma coisa a declarar: Qual a contratação que a atual direção fez nesse ano, até agora apenas tentativas.. E pior alem de não contratar ainda perdemos jogadores, rídiculo... O Grêmio consegue ofuscar o fiasco do Inter com dois eposódios banais.. Ronaldinho e Jonas..

Renato disse...

"No Grêmio tem que jogar quem quer jogar no Grêmio".
Lamento te informar que, desse jeito, não teremos muitos jogadores. Futebol é profissional. Falta a nossa diretoria (e parte da nossa torcida) aprender isso.
Eu não quero amor de jogador. Quero respeito. E pra ter respeito, eu procuro respeitar o jogador. Quem não respeita jogador não pode esperar "carinho".